Terapias Alternativas às Cirurgias

A artrose, que é a degeneração da articulação por lesão de sua cartilagem e de seus demais componentes, pode ser secundária à uma doença reumática, a trauma, ou não ter uma causa detectável, quando é chamada de artrose primária.

As queixas principais são dor, rigidez e deformidades da articulação acometida.

As cirurgias são indicadas quando esses sintomas começam a interferir na vida diária dos pacientes e não são mais controlados com tratamento conservador.

As terapias alternativas às cirurgias podem ser eficazes por anos, de acordo com a gravidade da artrose. Consistem em medicações que controlam as doenças de base, como antirreumáticos; que dão alívio aos sintomas, como anti-inflamatórios e analgésicos; protetores da cartilagem, que podem ser administrados por via oral, como as condroitinas, glicosaminas, colágenos, ou administrados por infiltrações dentro da articulação, como os corticoides e, mais recentemente, o ácido hialurônico, que existe normalmente no líquido sinovial e está diminuído na artrose.